quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

A primeira desilusão amorosa - PARTE FINAL

Deu prá segurar a curiosidade? Pois aí vai a segunda - e pior parte - da historinha de ontem.

Depois de passar alguns dias chorando e perguntando "Por que?", o tempo foi passando e a dor diminuindo, até sumir. Nunca mais tinha visto a Ana Paula*, quando um dia, aos 25 anos, estava eu no ônibus indo trabalhar e quem aparece na minha frente: sim, a Ana.

Com um grande sorriso, senta-se do meu lado e começamos a conversar, contando as coisas engraçadas que passamos na escola. Como andar de ônibus em SP demora no mínimo 1h30, deu prá conversar bastante. Ela contou sobre seu irmão, que havia falecido, contou sobre a faculdade, sobre sua mãe... até que chegamos no assunto pendente: o grande "POR QUE".

Eu perguntei se ela tinha lido a cartinha, ela riu e disse que sim. Aí perguntei: "Se você leu a cartinha, por que naquele dia você começou a namorar com o Paiol? Todo mundo tava comentando, e eu fiquei arrasado na época."

Então ela me contou o que aconteceu


Naquele dia que coloquei a cartinha na mochila dela, ela só a encontrou quando chegou em casa. Feliz, por ler O QUE HÁ ANOS AGUARDAVA, ficou muito feliz e perguntou para a mãe dela se podíamos namorar, o que a mãe dela aprovou.


No dia seguinte, escolheu a melhor roupa, o melhor perfume, e foi toda bonita me encontrar, para me dar o SIM tão esperado.
No caminho, encontrou o Paiol*, que a cumprimentou e conversou assuntos que não tinham nada a ver com namoro.

Quando foi ao meu encontro, no horário marcado, estranhamente eu a evitei, cumprimentando apenas a Silvânia*, e virando a cara pra ela. Naquele dia ela ficou muito mal, foi pra casa e chorou muito, e por dias perguntou "Por que?"


Hoje entendo... sabe POR QUE? Porque encontrei o meu amor bem longe, em Piracicaba, e deixei tudo prá viver com ela.


*nomes fictícios, para preservar a identidade das pessoas em questão.

7 comentários:

  1. ô judiação!!ai,ai...mas eu amo minha cunhada Juliana!!

    ResponderExcluir
  2. Esse foi o desencontro mais lindo que já li!!!
    Pq uma nova história começou...
    Parabéns!!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Kous... eu corrigi os nomes (mas tive que apagar seu comentário com os nomes verdadeiros, tá??? ) obrigado e desculpaaa!!

    ResponderExcluir
  4. Ops...
    rsrsrs
    As lembranças do primeiro amor são sempre "mágicas" né?!

    Comecei a ler seu blog hj... ja o li quase inteiro... kkk
    ADOREI!

    ResponderExcluir
  5. Olha Deus guardando o Junior pra Juliana, desde quando ele era pekeno...rs

    ResponderExcluir